Blogs

Um restaurante na China e seu sistema de climatização

Uma pesquisa detalhada feita pelo CDC (Centers for disease control and Prevention https://www.cdc.gov/) sobre 10 casos de contaminação do novo coronavírus em um restaurante em Guangzhou apontam a relação do vírus com o sistema de climatização interno e nós fizemos uma análise e uma possível (e provável) das tendências para sistemas de ar condicionado para o novo mundo pós COVID.

A pesquisa envolve uma família que no dia 24 de janeiro de 2020 almoçou em um restaurante em Guangzhou e havia retornado de uma viagem a Wuhan no dia anterior. Um integrante dessa família (que vamos chamar de família A), depois do almoço daquele dia, foi ao hospital devido a alguns sintomas que antes não haviam se manifestado. No mesmo dia, outras duas famílias (que vamos chamar de B e C) almoçaram no mesmo restaurante e no mesmo horário. Dias depois, 10 pessoas foram detectadas com o novo coronavírus, das 83 que almoçaram naquele andar do restaurante naquele dia. Essas pessoas pertenciam às 3 famílias que nomeamos A, B e C e você pode conferir a disposição delas no diagrama abaixo.
 

Em resumo, o estudo conclui que a melhor hipótese da contaminação desses casos foi transmissão por gotículas de saliva propagadas pelo ar. Porém, a transmissão por gotículas não explica o caso por si só, já que, esse tipo de transmissão ocorre quando a distância entre a pessoas é menor de 1 metro e a distância do paciente infectado e alguns outros que foram contaminados aquele dia como C1, C2 e B1 (veja no diagrama) era maior que 1 metro. Então o que provavelmente contribuiu com a contaminação foi a corrente de ar forte que era expelida pelo ar condicionado.
 
É importante ressaltar que 6 amostras foram recolhidas do filtro do sistema de ar condicionado, tanto da parte externa, quanto da parte interna e nenhuma registrou presença de vírus.
 
Então concluímos duas coisas que consideramos ser pontuais em relação à nova doença respiratória e os sistemas de climatização. A primeira é que, uma vez que a manutenção e a higienização do sistema de ar esteja em dia, o mesmo não funcionará como um vetor que espalha uma doença transmissível pelo ar para pessoas que passem pelo mesmo ambiente em horários diferentes. E que a partir de agora, uma das muitas mudanças será, além do aumento no distanciamento das mesas em lugares públicos, será o posicionamento de aparelhos de ar condicionado em relação a disposição de mesas, coisa que já entra num projeto bem feito de climatização de ambiente, ou seja, um bom projeto agora é mais importante do que nunca.
 
 
keyboard_arrow_up